Bolsonaro apresenta distensão abdominal e passa a receber alimentação direto na veia

Segundo o boletim médico, a reintrodução da alimentação por via oral será avaliada diariamente.

Notícias
Bolsonaro no hospital, caminhando

Foto: Reprodução Twitter

Durante a madrugada desta quarta-feira (11), o presidente Jair Bolsonaro apresentou um um quadro de lentificação intestinal e distensão abdominal. Segundo o boletim médico divulgado hoje pelo Hospital Vila Nova Star, diante da evolução do quadro, os médicos decidirem pela suspensão da alimentação oral e a introdução da nutrição endovenosa (alimentação por meio de sonda) no tratamento.

Após a cirurgia de correção de hernia incisional, os médicos viram uma melhora contínua no estado de saúde de Jair. Até ontem (10), ele estava se alimentando com uma dieta liquida, à base de água, chá, gelatina e caldo ralo. A expectativa é que começasse a dieta com alimentos pastosos nos próximos dias. De acordo com o boletim, ele só voltará a ingerir alimentos oralmente após novas avaliações. O presidente continua estável, sem dor e sem febre.

Share this Story
Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Rayssa Leonel
Carregar Mais Em Notícias

Veja Também

Empréstimo de R$ 330 milhões da Prefeitura de Juazeiro é investigado pela MPF

O órgão instaurou um procedimento para investigar a legalidade da admissão.